Concerto da Banda Orquestral Os Infantes
Integrado na programação das atividades do Centro Cultural do Estreito de Câmara de Lobos, a Banda Orquestral Os Infantes, irá promover um concerto no próximo dia 05 de abril de 2014, pelas 21h00 no auditório daquele espaço cultural da freguesia do Estreito de Câmara de Lobos.


           A Banda Orquestral Os Infantes, comumente conhecida como «Os Infantes», foi fundada em 27 de Julho de 1986, por um conjunto de 15 músicos do concelho de Câmara de Lobos, movimento associativo liderado pelo maestro José António Faria e com o apoio incondicional do presidente da direção administrativa de então, o senhor João Martinho Faria, que financiou a aquisição do conjunto instrumental necessário para o grupo de executantes e para a escola de formação musical. O objetivo de criar uma orquestra ligeira em Câmara de Lobos, foi o principal motivo do grupo fundador.

Após várias vicissitudes que levaram a alterações várias ao nível da direção artística d’Os Infantes e das dificuldades inerentes à inexistência de sede fixa, a 26 de junho de 2005, aquela formação musical inaugura finalmente a sua sede, localizada no sítio da Saraiva, Câmara de Lobos, contando com a presença do Presidente do Governo Regional da Madeira, Dr. Alberto João Jardim.

No seu historial, «Os Infantes» contam com três digressões fora da Madeira. A primeira foi a Santarém, a convite da banda filarmónica local. Em Agosto de 2006, realizam o segundo intercâmbio com a “Banda do Arrabal” – Leiria. Em 2011 recebem a Sociedade Recreativa e Musical União Sebastianense da Ilha Terceira nos Açores e deslocam-se àquela ilha em finais de julho do ano 2013.

 Concerto que «Os Infantes», irão realizar no próximo dia 05 de abril, decorre do seu plano de atividades e resulta do protocolo de dinamização cultural estabelecido com a autarquia câmara-lobense para 2014, através do qual recebem o apoio financeiro de 8000 euros para a dinamização de concertos no concelho e para apoiar os custos da escola de formação da banda. O concerto, que será dirigido pelo maestro Sílvio Eduardo Marques de Brito, levará ao palco 26 músicos que interpretarão o seguinte repertório musical:

Stray Cat Strut - Brian Setzer; arr. Larry Kerchner

A Garota de Ipanema - António Carlos Jobim e Vinicius de Moraes; arr. Glenn Osser

Begin the Beguine - Cole Porter; arr. Carlos Cardoso

Forget It - Milan Svoboda

Cubano Chant - Ray Bryant; arr. Philip Mossman

Cherry Pink and the Apple Blossom White - Jacques Larue; arr. Eduardo Brito

Nem às Paredes Confesso - Ferrer Trindade e Artur Ribeiro; arr. Eduardo Brito

Rock Around the Clock - M. C. Freedman e J. De Knight; arr. Andrea Ravizza

 

O concerto é de entrada livre.